Tim Maia - Nuvens (1982)

Disco de Tim Maia, lançado em 1978 pela WEA. O álbum abre com o soul romântico de "Nuvens", de Cassiano e Deny King, com harmônia complexa em estilo bossa-nova e melodia bela e sinuosa, pontuada por guitarras funk e frases dos metais. Na sequência vem a maior surpresa do disco, um samba clássico sem frases de soul, com música e letra de Tim Maia. A inovação é o uso de guitarras e dos metais da Vitória Régia, misturando funk e gafieira. A terceira é uma parceria de Tim com Robson Jorge, um funk-soul muito suingado e dançante, com letra ecologista numa época em que poucos falavam disso. Em seguida temos "A Festa", um funk dançante no qual Tim utilizou o pessoal do estúdio e da banda para simular uma festa, com direito a risadas e palmas, e uma letra com forte tom de malandragem na qual o refrão é entremeado por pequenos raps executados em tom jocoso por Tim.

Aqui ele canta uma das músicas mais tristes de sua carreira, o soul confessional "Ninguém Gosta de se Sentir Só". Logo depois, a tristeza é substituída pela alegria de "Hadock Lobo Esquina com Matoso", um de seus maiores clássicos, na qual ele conta a história da lanchonete do Divino onde ele, Erasmo Carlos, Roberto Carlos e Jorge Ben Jor se conheceram, quando eram apenas adolescentes pobres que gostavam de música na Tijuca. Além disso, o álbum contava com a regravação do grande clássico do seu amigo Hyldon, Na rua, na chuva, na fazenda (Casinha de Sape).

Faixas:
01. Nuvens
02. Outra Mulher
03. Ar Puro
04. O Trem (1ª parte)
05. A Festa
06. Apesar dos Poucos Anos
07. Deixar as Coisas Tristes Pra Depois
08. Ninguém Gosta de se Sentir Só
09. Hadock Lobo Esquina com Matoso
10. O Trem (2ª parte)
11. Casinha de Sapé (Na Rua, Na Chuva, Na Fazenda)
12. Sol Brilhante


Baixar:

80 MB - ZiP - MP3 - 320 Kbps - REMASTERIZADO



Comentários

Postagens mais visitadas