Raul Seixas - Metrô Linha 743 (1984)

O álbum inicia com o maior sucesso do disco, "Metrô Linha 743", com uma letra grande e falada foi considerada até, por pesquisadores, como uma das precursoras do rap em terras nacionais. Segue-se "Um Messias Indeciso" que foi tida por Raul como "a sua cara". "Meu Piano" é uma canção derivativa, uma brincadeira com um piano fora de lugar, que ficou conhecida na época por conter "o solo mais caro do Brasil", no qual o músico Clive Stevens recebeu 3 mil dólares para fazer um solo de sax. Depois temos "Quero Ser o Homem que Sou (Dizendo a Verdade)", uma brincadeira com humor inteligente e uma ótima guitarra slide de Rick. "Canção do Vento" fala de mudanças: da tradição que deve ser mudada e dos anseios por mudança da juventude. "Mamãe Eu não Queria" foi considerada um "clássico da insubordinação", indo direto ao ponto "como as grandes criações do pop", com a interpretação correta de Raul, com a "voz rasgada e dilacerada". Segue-se "Mas I Love You", canção em homenagem a sua mulher, Kika Seixas, e o único momento romântico do disco. "Eu Sou Egoísta" é a regravação de uma canção do disco Novo Aeon, de 1975, outra regravação é "O Trem das Sete" - originalmente do álbum Gita. O disco encerra com "A Geração da Luz" e "Anarkilópolis".

Faixas:
01. Metrô Linha 743
02. Um Messias Indeciso
03. Meu Piano
04. Quero Ser O Homem Que Sou (Dizendo A Verdade)
05. Canção Do Vento
06. Mamãe, Eu Não Queria
07. Mas I Love You (Pra Ser Feliz)
08. Eu Sou Egoísta
09. O Trem Das Sete
10. A Geração Da Luz
11. Anarkilópolis (Cowboy Fora-Da-Lei Nº 2)

Baixar:

89 MB - ZiP - MP3 - 320 Kbps - REMASTERIZADO



Comentários

Postar um comentário

Postagens mais visitadas