Pular para o conteúdo principal

Erasmo Carlos - A Pescaria (1965)

Contratado no ano anterior pela RGE e bem sucedido com o compacto que trazia "Minha Fama de Mau", Erasmo pretendia ter feito na capa uma referência à música "Tom & Jerry", de Getúlio Côrtes. Mas a Disney não autorizou a utilização dos personagens na capa. O disco traz outro grande sucesso, que àquela altura estava acontecendo nacionalmente e que foi para a Jovem Guarda um hino tão importante quanto "Quero Que Vá Tudo Pro Inferno" (de Roberto Carlos): "Festa De Arromba", rock no qual Erasmo anuncia o elenco da Jovem Guarda - que a partir do segundo semestre de 1965 tomou conta das jovens tardes de domingo.  O disco foi todo gravado com Renato e seus Blue Caps, à exceção de "Minha Fama De Mau" (do ano anterior, registrada num compacto com acompanhamento dos Jet Black´s). Traz uma declaração de guerra bem humorada à beatlemania, mas também inclui uma regravação da música "Ain´t She Sweet", e vertida para o português pelo pró…

Fagner - Raimundo Fagner (1976)

Não sendo ainda um ídolo popular, quando gravou este disco, Fagner já era uma figura importante na indústria fonográfica, um bom vendedor de discos no plantel da então CBS. Depois do intrincado e belo Ave Noturna, gravado com o Vímana e outros músicos de prestígio, Fagner resolveu fazer um LP de sotaque roqueiro. Com instrumentação majoritariamente elétrica e a presença igualmente eletrizante de Robertinho do Recife nas guitarras, o disco funde o canto mouro e as inflexões nordestinas com precisos e pesados arranjos blueseiros. O estranhamento começa com a abertura com “Sinal Fechado”, o clássico de Paulinho da Viola, quase irreconhecível num emaranhado de canto e contracanto tendo uma cornucópia de cordas no background. Emenda com o blues acústico “Conflito”, cheio de fraseados de bateria. Canções como “Asa Partida”, “Pavor dos Paraísos”, Cordas de Aço” e sobretudo “Sangue e Pudins” são números rock com ataque irretocável da banda e a guitarra virtuose de Robertinho. Se você tem menos de 30 anos, dificilmente reconhecerá este Fagner aqui. (Texto: Consultoria do rock)

Faixas:
01. Sinal Fechado
02. Conflito
03. Asa Partida
04. Pavor dos Paraísos
05. Corda de Aço
06. Calma Violência
07. Natureza Noturna
08. Matinada
09. Sangue e Pudins
10. Além do Cansaço
11. ABC

Baixar:

91 MB - MP3 - 320 Kbps - REMASTERIZADO



Comentários

  1. Disco antológico, é claro! Fagner é o máximo! Obrigado, sempre.

    ResponderExcluir
  2. Brother, você é um gênio por isso farei 1 pedido: MANDA MAIS ÁLBUNS nessa qualidade desse fantástico compositor, Raimundo Fagner! Parabéns pelo site, meu favorito !

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Estarei postando mais discos do Fagner em breve. Obrigado!

      Excluir

Postar um comentário

Postagens mais visitadas deste blog

Gal Costa - Bem-Bom (1985)

Bem Bom é o vigésimo álbum de Gal Costa. Como maiores sucessos se destacaram as baladas "Sorte", em dueto com Caetano Veloso, e "Um Dia de Domingo" com Tim Maia.
Faixas:
01. Sorte (com Caetano Veloso)
02. O Último Blues
03. Um Dia de Domingo (com Tim Maia)
04. Acende o Crepúsculo
05. Muito Por Demais
06. Romance
07. Musa de Qualquer Estação
08. Bem Bom
09. Todo o Amor que Houver Nesta Vida
10. Quem Perguntou Por Mim
11. De Volta ao Futuro

Baixar:
104 MB - ZiP - MP3 - 320 Kbps - REMASTERIZADO
pCloud - Google Drive - Box - MEGA - MediaFire



Cartola - Verde Que Te Quero Rosa (1977)

A necessidade de proteger a cabeça do cimento que despencava lá de cima, durante o árduo trabalho de operário na construção civil, o forçou a usar um chapéu coco, encontrado no lixo. O apelido, que mais tarde também se tornaria o seu nome artístico, surgiu dali. Autodidata no violão – Cartola já era assediado, do “alto de seus vinte e poucos anos”, por gente de peso da música popular brasileira que estava à procura de sambas para seu repertório. Vendeu alguns deles e acabou sendo gravado por Francisco Alves, Carmen Miranda e Silvio Caldas, entre outros. A foto espetacular da capa do LP, tirada de óculos escuros, com cigarro aceso, cafezinho e muita, muita classe, dá ideia da música que está cravada nos sulcos do vinil – Verde Que Te Quero Rosa é um grande disco do mestre Cartola. Seu repertório conjuga sambas inéditos de diversos períodos com diamantes de sua produção presente, registrados com o “auxílio” de um super time de amigos: Nelson Cavaquinho, Radamés Gnatalli, Altamiro Carril…

Chico Science & Nação Zumbi - Afrociberdelia (1996)

O segundo e último disco de Chico Science e Nação Zumbi foi lançado em 1996, é considerado seu melhor trabalho e deu sequencia ao revolucionário manguebeat, introduzido no Brasil por eles e pelo  Mundo Livre S/A. Produzido por Eduardo Bid, composto por 23 músicas, como “Manguetown”, “Samba do Lado”, “Etnia”, “O Cidadão do Mundo”, “Macô” (com participação de Gilberto Gil) e outras. Além da antológica regravação de “Maracatu Atômico”, de Jorge Mautner. 
Faixas: 01. Mateus Enter  02. O Cidadão do Mundo  03. Etnia  04. Quilombo Groove (Instrumental)  05. Macô  06. Um Passeio no Mundo Livre  07. Samba do Lado  08. Maracatu Atômico  09. O Encontro de Isaac Asimov e Santos Dumont no Céu  10. Corpo de Lama  11. Sobremesa 12. Manguetown  13. Um Satélite na Cabeça  14. Baião Ambiental (Instrumental)  15. Sangue de Bairro 16. Enquanto o Mundo Explode 17. Interlude Zumbi 18. Criança de Domingo 19. Amor de Muito 20. Samidarish (Instrumental) 21. Maracatu Atômico (Atomic Version) 22. Maracatu Atômico (Ragga Mix) 23. Marac…